POR QUE EVITAR O GLÚTEN?


sem glúten

Nos últimos anos o glúten tem sido alvo de muitas pesquisas e discussões na comunidade científica. Isso acaba gerando muita dúvida, principalmente para quem é leigo ou simplesmente não é da área da saúde. O que existe de verdade e mito no meio disso tudo?


Nessa publicação irei explicar o porque de evitar o glúten, e sim, ele pode fazer mal a nossa saúde. Entretanto vale ressaltar que cada individuo tem a sua individualidade biológica e mesmo indivíduos não celíacos, podem ter senilidade ao glúten e isso pode causar algum dano a nossa saúde.


A palavra glúten tem sua origem no Latim, cujo o significado é cola. Isso faz muito sentindo pois é justamente isso que o glúten faz no nosso intestino delgado. Mas antes de falar sobre os principais mecanismos patológicos que o glúten pode fazer no intestino delgado, primeiro vamos entender o que é o glúten em si.


O glúten é formado por um conjunto de proteínas, gluteína e gliadina, que são formadas durante o processo de sova do trigo com a água. Esse processo é muito importante para criar aquela massa e é justamente esse processo que dá a liga na massa, formando o glúten.


Tudo o que comemos é absorvido no intestino delgado, hidrolisado por nossas enzimas, reduzidos em tamanhos menores e só depois é transportado para nossa corrente sanguínea. O nosso intestino delgado tem uma barreira protetora, parar evitar que macromoléculas passem por ela e atinjam nossa corrente sanguínea, podendo causar reações inflamatórias e mal a nossa saúde.


O problema é que logo que o glúten chega no intestino delgado, a maior parte das nossas enzimas não consegue fazer a hidrolise dele, isso faz com que partículas do glúten fiquem pressas no nosso intestino delgado. Essas frações do glúten que ficam no intestino delgado, acabam gerando um acionamento do sistema imunológico com aumento de interleucina 6 e fator de necrose tumoral. Essa resposta do sistema imunológico gera agressão a mucosa do intestino delgado, ocasionando a quebra da barreira intestinal e consequentemente a translocação de macromoléculas para corrente sanguínea. Podendo ocasionar uma inflamação sistêmica.


Esse processo naturalmente acontece em pessoas celíacas e com indivíduos com sensibilidade ao glúten.


Esse é apenas um dos motivos pelo qual temos que reduzir ou tirar o glúten da dieta. Espero que tenham gostado e até a próxima!

Posts Em Destaque