EFEITO SANFONA: POR QUE VOCÊ VIVE NELE?


EFEITO SANFONA: POR QUE VOCÊ VIVE NELE?

EFEITO SANFONA: POR QUE VOCÊ VIVE NELE?


O que é:


O efeito sanfona é quando o individuo não consegue se manter um peso, ou seja, vive oscilando entre peso X e peso y. Parece que a pessoa vive uma auto sabotagem constante. Você consegue chegar no peso almejado e como um passe de magica (não tão magico assim), você retorna ao peso anterior.


O que, não é:


Quando você consegue chegar no peso almejado, e de repente muda de objetivo. Um clássico exemplo são as fases bullking e cuntting. Quando o ganho e a perda de peso corporal são intencionais, com foco em um objetivo maior. Muitas vezes o ideal é perder peso, para reduzir o percentual de gordura, a partir daí ganhar peso com qualidade, ou seja, mais músculos e menos gorduras.


Porque acontece:


Geralmente o efeito sanfona acontece por 3 motivos: dieta restrita, imediatismo, falta de planejamento a longo prazo.


Quando você resolve fazer uma dieta muito restrita, ou seja, algo que você não vai manter no longo prazo.


Quando você faz uma dieta muito restrita, sua capacidade de manter isso, é muito pequena. Então você faz até obter os resultados e depois para de fazer. Por isso que você fica sempre com aquela sensação, de um cachorro que fica correndo atrás do rabo. Gira, gira, gira e sempre volta para o mesmo lugar.


O imediatismo, ou seja, pressa em obter os resultados.


A pressa é inimiga da perfeição, já dizia minha vó. É justamente essa pressa, que pode te colocar no efeito sanfona. Pois muitas vezes, você faz apenas o necessário para perder o peso que você quer, mas não pensa em como vai manter esse peso. Quando você menos percebe, já engordou tudo novamente.


Falta de planejamento a longo prazo.


Pode parecer clichê eu falar isso aqui, mas a manutenção do peso conquistado, vai depender do seu planejamento a longo prazo. Mais importante do que perder peso, é o que você vai fazer para mantê-lo. Se você não tiver uma estratégia bem definida, existe uma grande chance de você engordar novamente.

Esse jeito errado de tentar solucionar o problema, pode criar a cultura do fracasso em você. Com isso você passa acreditar que jamais vai emagrecer e acaba desistindo.


Mas Renato, qual é o jeito certo então?


1 passo: anote na sua agenda, diário ou bloco de notas qual é sua meta, ou seja, quantos quilos você quer perder.


2 passo: crie uma rotina que você consiga manter, com horários pré-estabelecidos pra tudo. Exemplo: hora que vai dormir, acorda, fazer exercícios físicos, horas das refeições.


3 passo: Tenha pequenas metas e comemore sempre que alcançá-las.


4 passo: Não se alimentar conforme o calendário de eventos. Não é em todo evento social que você precisa sair da dieta.


5 passo: descasque mais e desembrulhe menos. Inclua na sua dieta alimentos mais naturais como: frutas, legumes, verduras. Proteínas magras como: frango e peixe.


6 passo: faça 1 hora de atividade física, pelo menos 3 vezes na semana.


7 passo: faça duas refeições livres por semana, lembre-se: você não escravo da comida. Coma com consciência.


8 passo: aprenda a gostar do processo, quando isso acontecer, você não verá a comida saudável como uma obrigação, e sim como uma forma de autocuidado e nutrição para seu corpo. Quando você chegar nesse nível de entendimento, sobre a comida. Com certeza não viverá em um efeito sanfona.


Posts Em Destaque